PRINCIPAL POST

6/recent/ticker-posts

Adolescente de 17 anos é sequestrado, levado para mata onde seria executado, mas consegue escapar após ser baleado


Um adolescente de 17 anos foi baleado após ter sido sequestrado e conseguir fugir de dois homens na madrugada desta quinta-feira (28), em Marialva. Segundo informações do Boletim de Ocorrência, a vítima foi capturada no bairro Conjunto 113 e conduzida a uma área de mata próxima a uma cooperativa, onde os sequestradores planejavam sua execução.


📲SIGA O ACONTECEU MARINGÁ NO INSTAGRAM: CLICA AQUI.

A Polícia Militar relatou que o jovem estava nas imediações de sua residência quando foi abordado por dois homens, também residentes do mesmo bairro, os quais, munidos de arma de fogo, o coagiram a entrar em uma Kombi. Posteriormente, conduziram até uma região de vegetação próxima a um córrego, onde pretendiam matar o adolescente.

Após ser retirado do veículo, a vítima foi confrontada por um dos sequestradores, que gritou “chegou sua hora” antes de abrir fogo. Um dos disparos atingiu a perna do jovem, que, percebendo o momento em que o atirador recarregava a arma, conseguiu fugir. Desesperado, o menor correu até a residência de sua avó, localizada na cidade de Sarandi, em busca de ajuda.

Familiares o encaminharam à UPA – Unidade de Pronto Atendimento, e, devido à gravidade do ferimento, ele foi transferido para o Hospital Universitário de Maringá. Apesar das diligências realizadas pelas autoridades policiais, os suspeitos da tentativa de homicídio permanecem foragidos.

A Delegacia de Polícia Civil de Marialva iniciou uma investigação para esclarecer a motivação por trás do crime, porém, a própria vítima afirma ter sido acusada pelos agressores de envenenar o cachorro de um dos autores do atentado. Imagem ilustrativa
 

Postar um comentário

0 Comentários