PRINCIPAL POST

6/recent/ticker-posts

Morre no hospital jovem de 19 anos que tentou salvar irmãos de incêndio em Maringá

Nas primeiras horas de hoje, Geovane Amaro da Silva, de 19 anos, morreu no Hospital Evangélico em Curitiba. Ele sofreu queimaduras em 90% do corpo ao tentar salvar os irmãos de um incêndio que devastou a residência que moravam com a avó. As crianças de 7 e 12 anos, infelizmente, não resistiram, sendo encontradas abraçadas, vítimas da tragédia. 

O Incêndio

Jean Antônio Baierle da Silva, 12 anos e Cleber Rogério Cavalheiro da Silva, 7 anos, morreram após um incêndio em uma residência na madrugada desta terça-feira, 07 de novembro, em Maringá.


Giovani Baierle da Silva, de 18 anos, que tentou salvar os irmãos e foi atingido pelas chamas. Ele foi socorrido em estado gravíssimo com 90% do corpo queimado.

O caso aconteceu por volta das 2h, no cruzamento da Rua Pioneiro Lívio Olivo, com a Rua Paisagista, no bairro Parque das Laranjeiras.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a avó e os quatro netos, todos irmãos, dormiam no imóvel no momento do incêndio, porém em cômodos separados.

Várias equipes do Corpo de Bombeiros e a equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foram acionadas.

Giovani Baierle foi intubado e encaminhado em estado gravíssimo ao Hospital Bom Samaritano. De acordo com familiares, ele tentou salvar os irmãos. A avó e um dos netos de 9 anos, conseguiram escapar ilesos.

Jean Antônio Baierle e Cleber Rogério Cavalheiro, ficaram trancados em um dos quartos e infelizmente morreram carbonizados.

As causas do incêndio ainda são desconhecidas, porém segundo os familiares, o fogo pode ter ocorrido em um carregador celular.

O Instituto de Criminalística foi acionado e após o trabalho da perícia o corpo foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal de Maringá.
 

Postar um comentário

0 Comentários